Página Inicial Palmeiras Keno busca chance após suspensão de Roger Guedes, mas pondera: ‘Grupo bom e forte’

Keno busca chance após suspensão de Roger Guedes, mas pondera: ‘Grupo bom e forte’

Escrito porRedação Wsports 6 de abril de 2017

A forte concorrência no elenco do Palmeiras faz com que cada jogador se esforce ao máximo para ser decisivo dentro de campo quando é solicitado pelo técnico Eduardo Baptista. Com boas aparições no início desta temporada, o atacante Keno surge como uma das possibilidades para suprir a ausência do suspenso Róger Guedes na partida desta sexta-feira, às 21h, contra o Novorizontino, no estádio do Pacaembu, pelas quartas de final do Campeonato Paulista. E o camisa 27 vê com bons olhos uma possível nova chance na equipe alviverde.

“Temos um grupo bom e forte. O Eduardo terá dor de cabeça para montar esse time, principalmente agora depois da suspensão do Róger Guedes. Mas quem entrar dará conta do recado. Se ele (Eduardo Baptista) me colocar, ficarei muito feliz”, declarou.

“Temos de respeitar o Rafa (Marques), o Erik, tem o Michel (Bastos) também. Estou trabalhando nesta função que o Eduardo tem me colocado. Trabalharemos hoje (quarta), treinaremos e deixaremos com o Eduardo para ele botar a melhor equipe”, comentou o atleta.

> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook

Líder de dribles certos na atual edição do Estadual, com 14, o palmeirense promete utilizar o seu principal recurso para ajudar o Verdão a avançar às semifinais da competição.

“Venho trabalhando todos os dias, sei que sou bom no um contra um. Sei que errarei, mas sempre tentarei. Venho trabalhando para estar preparado quando o professor me colocar”, falou.

“Tem de ter coragem. Se errar, não tem motivo para abaixar a cabeça. Tem de ter ainda mais vontade de acertar”, emendou.

De acordo com Keno, um triunfo diante do rival do interior de São Paulo pode, inclusive, ser fundamental para o próximo jogo da Conmebol Libertadores Bridgestone, a ser disputado na quarta-feira, às 21h45, contra o Peñarol-URU, no Allianz Parque.

“Dá uma confiança a mais. Sabemos que o Novorizontino é muito bom, então uma vitória em casa nos dará confiança para jogar a Libertadores”, finalizou o atacante – 26 mil ingressos foram vendidos antecipadamente para o embate contra os uruguaios.

Foto: Cesar Grecco | Ag. Palmeiras