Página Inicial Botafogo Diego Pituca projeta segundo Paulistão com a camisa do Botafogo

Diego Pituca projeta segundo Paulistão com a camisa do Botafogo

Escrito porGuilherme Galdino 19 de dezembro de 2016

Depois de uma temporada com diferentes emoções, o polivalente Diego Pituca celebra desempenho no primeiro semestre de 2016. Com a camisa do Botafogo, o volante marcou três gols no Paulistão deste ano e mantém o foco para ajudar o Pantera na próxima temporada.

– Curta a Fan Page do Programa Esporte Show e receba as notícias do Botafogo em primeira mão e, também, assista o programa ao vivo no seu Facebook

Pituca evitou a derrota do Tricolor contra Novorizontino, Ponte Preta e XV de Piracicaba, na segunda, quarta e 13ª rodada, respectivamente. Na campanha da Série C – a qual o Botafogo foi eliminado pelo ABC -, o volante não balançou as redes.

“Foi um bom Paulistão para mim. Fiz três gols, como sendo meu primeiro Paulistão. Fiquei feliz por um lado e triste por outro, porque brigamos até o fim para não cair. Espero que o ano de 2017 seja um ano bom para mim e também para o Botafogo”, disse Pituca em entrevista coletiva.

De olho na disputa do Paulistão 2017, o atleta afirmou que o Tricolor está com boa montagem da equipe. “O time que o Botafogo está montando é de muita qualidade. Esperamos que no Paulistão façamos tudo o que o Moacir tem nos pedidos. ”

Desejo de estar em campo

Sabemos que todos jogadores querem estar em campo para ajudar a equipe a conquistar o objetivo. Com Diego Pituca não é diferente. Segundo o atleta, sua posição de origem é como segundo volante, mas ele não nega que jogaria até como zagueiro para ajudar o Botafogo.

“Se o Moacir falar para eu jogar como zagueiro, eu não serei um Matheus Mancini ou Filipe, mas darei o meu melhor para ajudar o Botafogo dentro de campo. Quero estar sempre jogando, seja na lateral ou no meio”, destacou.

Para ele, estar no Botafogo é sinônimo de ser visto pelos grandes. “Depois que cheguei aqui, muitas coisas boas aconteceram na minha carreira profissional, muitos times olhando. Fico feliz por isso e agradeço ao Botafogo por ter aberto as portas para mim”, concluiu.

Foto: Rogério Moroti | Agência Botafogo