Seleção feminina de rúgby vence o Sul-americano pela 12ª vez seguida

A seleção brasileira feminina de Rugby Sevens conquistou neste domingo, dia 19, seu 12º título Sul-Americano consecutivo, mantendo assim a maior hegemonia do rugby mundial. Jogando em Córdoba, na Argentina, as brasileiras asseguraram também outra escrita, a de nunca ter perdido uma única partida oficial sequer diante das rivais da região.

Com uma forte equipe, que incluía dez atletas presentes na disputa da última etapa da Série Mundial de Sevens, o Brasil chegou a Carlos Paz, na província de Córdoba, na Argentina, credenciado a conquistar mais um título. E não decepcionou sua torcida. No primeiro dia de competições foram três vitórias maiúsculas, por 52 a 0 contra o Uruguai, 45 a 0 contra o Paraguai e 31 a 0 contra a Venezuela.

Tonin 500

> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook

No segundo dia de jogos, novas vitórias contundentes: 53 a 0 contra o Peru, pelas quartas de final, 32 a 0 contra a Colômbia, na semifinal, e 31 a 12 contra a Argentina na grande final, na única partida em que o time sofreu pontos. O resultado deu às brasileiras o 12º título consecutivo do Sul-Americano, mantendo a maior hegemonia do rugby mundial. Luiza Campos, capitã do Brasil, recebeu o prêmio de melhor jogadora da final.

A seleção brasileira feminina de Rugby Sevens contou com as atletas Beatriz Futuro “Baby”, Bianca Silva, Cláudia Jaqueline Teles, Edna Santini, Isadora Cerullo “Izzy”, Juliana Michele da Silva, Lariane Pruner, Luiza Campos, Maíra Bravo, Milena Silva “Mille”, Paula Ishibashi e Raquel Kochhann.

Foto: Sudamerica Rugby | Divulgação

Tonin 700
Drogao 500×300
Gran Steak 500×300

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: