radio-wsports
Clique e ouça aqui!

Argel Fuchs é o sétimo treinador na era Botafogo S/A. Veja qual foi a média de tempo dos treinadores no tricolor

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

A contratação de Argel Fuchs pelo Botafogo nesta quinta feira(01), surpreendeu a imprensa e a torcida botafoguense. Muitos apostavam nesta decisão caso houvesse uma derrota para o Ituano na próxima rodada do Paulistão.

Argel, é o sétimo treinador contratado pela S/A. Quando Adalberto Batista chegou, Léo Condé já era treinador do tricolor. Após a era Condé, que terminou após uma derrota para o RB Brasil por 3 a 1, o  Botafogo S/A contratou Roberto Cavalo, que salvou o Fogão do rebaixamento e continuou na Série B daquele ano. Na sequencia vieram: Hemerson Maria, Vagner Lopes, Claudinei Oliveira, Moacir Junior, Alexandre Gallo, e agora, o gaúcho de Santa Rosa-RS Argélico Fuchs.

UNIMED

Ou seja, o Botafogo S/A trocou de treinador a cada três meses e meio. Condé foi demitido em 16 de fevereiro de 2019.

Em 2011 Fuchs chegou para salvar o tricolor de um rebaixamento, onde caiam três times, ele assumiu o lugar de Fernando Diniz que iniciava sua carreira e salvou o Pantera da degola.

Argel é um treinador de fala dura que costuma impactar jogadores experientes, mas a equipe botafoguense tem muitos atletas jovens, e agora é esperar para saber como será este relacionamento com os mais jovens.

A diretoria da S/A ainda não informou se o treinador gaúcho seguirá do comando da equipe no Campeonato Brasileiro da Série C.

Wilson Rocha.

Foto – CBF

Leia Mais

W Sports