radio-wsports
Clique e ouça aqui!

Comercial e Bandeirante empatam e morrem abraçados na A3

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

Nesta tarde de sábado, Bandeirante e Comercial entraram em campo às 15h, no estádio Pedro Martin Berbel, em jogo que poderia colocar o vencedor do confronto no G8. Mas apesar de precisarem do resultado, a partida terminou empatada em 0 a 0. A partida foi válida pela 14° e penúltima rodada da competição.

Com empate, o Bandeirante chegou a 17 pontos e está 10° lugar. O Comercial segue na cola do rival com a mesma pontuação, mas em 11° por ter uma vitória a menos.

UNIMED

ETAPA INICIAL

O primeiro tempo começou com o Bandeirante comandando as ações e muito melhor em campo. No primeiro ataque do jogo, com apenas um minuto, Paulão fez um levantamento para a área que quase enganou o goleiro e morreu dentro do gol, a bola bateu no travessão.

Os donos da casa continuavam indo para cima, e e em levantamento de Davi Ceará, a própria defesa do Comercial quase joga contra o próprio patrimônio. Pouco antes de acabar o primeiro tempo, aos 45 minutos, Dandan recebeu ótimo cruzamento de Anderson Cavalo dentro da pequena área. O Atacante furou a primeira, mas na segunda tentativa mandou para o gol, o zagueiro do Comercial se jogou na bola para evitar o gol.

Apesar de toda a pressão e superioridade, a etapa inicial terminou 0 a 0.

SEGUNDO TEMPO

O segundo tempo começou muito similar ao primeiro, com o Bandeirante pressionando desde os minutos iniciaisCom apenas dois minutos, o time roubou a bola no campo de defesa do Comercial e Tatá bate forte de fora da área, exigindo boa defesa do goleiro Max Muralha.

O Comercial chegou aos dez minutos após levantamento na área, Gilvan Ferreira desviou de cabeça. A bola passou muito próxima por cima do gol de Henal. A chance mais clara da segunda etapa foi na parte final, quando Danilinho, do Bandeirante cabeceou sozinho dentro da pequena área por cima do gol, o relógio já marcava 37 minutos.

Apesar de não ter conseguido criar praticamente nenhuma chance, o Comercial se impôs no final do jogo e quase abriu o placar aos 42 minutos com Rafael Tanque, o centroavante bateu de perna esquerda dentro da área, obrigando o goleiro Henal a fazer ótima defesa. E a equipe do Bafo seguiu pressionando, no lance seguinte após cobrança de escanteio, de novo Rafael Tanque, deu um meio voleio dentro da pequena área exigindo um milagre do goleiro.

Aos 46 minutos, Lucas Shallon que entrou na segunda etapa, carimbou o travessão sozinho dentro da pequena área. Apesar da pressão final, o placar terminou em branco e o empate não foi um resultado bom para nenhuma das equipes.

PRÓXIMOS JOGOS

Na última rodada, o Bandeirante visita o Nacional, no dia 25, às 15h. Já o Comercial recebe o São José na mesma data e horário.

Conteúdo Futebol Interior

Foto/Rafael Alves

Leia Mais

W Sports