Com Felipão, Verdão chega à sua melhor série de vitórias fora de casa na Liberta

Um feito histórico veio como consequência do duelo disputado entre Colo-Colo-CHI e Palmeiras, na noite desta quinta-feira (20), pelo jogo de ida das quartas de final da Conmebol Libertadores. Hoje com cinco vitórias nos últimos cinco jogos pela Libertadores como visitante, o Verdão alcançou a melhor série de triunfos fora de seus domínios na competição continental em todos os tempos.

Com Felipão no comando, o time alviverde superou os quatro resultados positivos emplacados em sequência durante a disputa da campanha de 1971, feito este atingido pelo time da Segunda Academia palmeirense, dirigido pelo técnico Rubens Minelli.

Unimed 300X200

A sequência atual, de cinco vitórias fora de casa consecutivas no Continental, refere-se aos jogos diante do Júnior Barranquilla-COL (3 a 0), Boca Juniors-ARG (2 a 0), Alianza Lima-PER (3 a 1), Cerro Porteño-PAR (2 a 0) e, agora, Colo-Colo-CHI (2 a 0). No entanto, vale ressaltar que este é um recorde construído a quatro mãos, pois, os três primeiros duelos desta série de cinco vitórias foram sob o comando do então técnico Roger Machado.

Já a sequência de quatro jogos de 1971 foi por inteira comandada por Rubens Minelli. À época, na Libertadores de 1971, o Verdão venceu fora de casa, respectivamente, Deportivo Galícia-VEN, por 3 a 2, o Petare FC (antigo Deportivo Italia)-VEN, por 3 a 2, o Fluminense-RJ, por 3 a 1, e o Universitário-PER, por 2 a 1.

Os números impressionantes de Luiz Felipe Scolari no Continental não param por aí. Ele é o treinador que por mais vezes esteve à frente do time em jogos de Libertadores, agora com 31 partidas, que mais venceu, 16 triunfos, e que dirigiu o Alviverde em sua única conquista da competição: em 1999, diante do Deportivo Cali-COL, nos pênaltis, em duelo disputado no antigo Palestra Italia.

Além da própria Libertadores de 1999, apenas pelo Palmeiras, o treinador de 69 anos tem no currículo as Copas do Brasil de 1998 e de 2012, a Copa Mercosul de 1998 e o Torneio Rio-São Paulo de 2000 ao longo de suas três passagens pelo clube (1997 a 2000, 2010 a 2012 e a atual).

Com 421 jogos, Felipão segue como o segundo técnico que por mais vezes esteve à frente do Maior Campeão do Brasil, ficando atrás apenas de Oswaldo Brandão, que dirigiu o time por 585 vezes. Além disso, o atual treinador é o terceiro da lista dos que mais venceram pelo clube: 201 vitórias – neste quesito, apenas Vanderlei Luxemburgo, com 221 triunfos, e Oswaldo Brandão, com 341, superam o gaúcho de Passo Fundo.

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

Drogao 500×300
Tonin 500×300
Gran Steak 500×300
Novo Shopping 500×300
%d blogueiros gostam disto: