radio-wsports
Clique e ouça aqui!

Defensa y Justicia desbanca Palmeiras nos pênaltis e fica com título da Recopa 2021

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

O Palmeiras ficou com o vice-campeonato da Recopa Sul-Americana. No Mané Garrincha, o time alviverde perdeu nos pênaltis, após Luiz Adriano e Weverton desperdiçarem as suas cobranças. Ao fim dos noventa minutos, o time argentino venceu por 2 a 1, com gol marcado nos minutos finais.

A equipe brasileira começou explorando muito bem sua velocidade, visando surpreender e abrir espaços na defesa adversária. E foi assim que saiu o primeiro gol com Veiga buscando Rony na profundidade, que, na tentativa de conclusão foi calçado por Meza, pênalti para o alviverde. Raphael Veiga foi para a cobrança, chutou rasteiro e com qualidade para marcar contra o goleiro Unsain, aos 22 minutos. Com meia hora de jogo, Pizzini recebeu dentro da área e cruzou, Braian Romero arrematou para empatar a partida.

Gran Steak 500×300

No segundo tempo, o Palmeiras segurou mais o jogo e ficou mais com a bola, foram poucas as chances reais de gol. O que dificultou a vida dos palmeirenses foi a expulsão de Vína aos 68 minutos, que fez o time recuar e propor muito menos o jogo. Felipe Melo e Alan Empereur entraram para dar mais segurança na equipe retraída, no lugar de Patrick de Paula e Gabriel Verón.

Então a finalíssima virou o chamado ataque contra defesa. O time argentino propunha os ataque até de forma descordenada para marcar e o Palmeiras recuava suas linhas aceitando a pressão. Foi ai que o então gol chegou, aos 93 minutos, Benítez acertou um ótimo chute que colocou os argentinos na frente, após falha de Alan Empereur.

No primeiro tempo da prorrogação, Rony dentro da área foi derrubado por Unsain, novamente pênalti importante para o Palmeiras. Dessa vez Gustavo Gomez na cobrança, que parou na defesa do goleiro. Pênalti que acabou resultado em confusão e na expulsão de Braian Romero do Defensa y Justicia.

Com 10 jogadores pra cada lado, o Palmeiras foi ao ataque, pressionou tentando encontrar o gol, mas não conseguiu. Com o 2 a 1 no placar o jogo teria seu desfecho nas penalidades.

O Defensa y Justicia converteu todas as quatro penalidades, enquanto do lado do Palmeiras, Luiz Adriano parou na trave e Weverton para fora. Dessa forma o time de São Paulo, mais uma vez, perde uma final de campeonato nos pênaltis.

Palmeiras: Marcos Rocha , Luan, Gustavo Gómez e Viña; Danilo, Patrick de Paula e Raphael Veiga; Rony, Breno Lopes e Wesley.

Defensa y Justicia: Unsain Matías Rodríguez, Frías, Meza e Benítez; Loaiza, Enzo Fernández, Pizzini e Rotondi; Brain Romero e Walter Bou 

Reprodução/foto: Instagram @conmebolrecopa

Leia Mais

W Sports