Desfalque na última rodada, Júlio César concorda com os protestos da torcida do Botafogo-SP

O Botafogo não vive sua melhor fase na Série B do Campeonato Brasileiro. Desde a chegada do novo treinador, Hemerson Maria, o Botafogo venceu somente um jogo. Foram sete jogos até aqui, com três derrotas e três empate, oito gols sofridos e somente dois marcados. O Tricolor não sabe o que é vencer há quatro rodadas.

Na última partida da equipe em casa – empate em 0 X 0 com o América-MG – os torcedores botafoguenses presentes no estádio vaiaram a atuação da equipe e entoaram, após o fim da partida, o grito de “time sem vergonha”.

Casa Verde Sala

Para o atacante Júlio César, que não atuou diante do América-MG por conta de um incômodo no joelho, as críticas e os protestos da torcida são válidos, já que o Tricolor não passa por um bom momento na competição.

“Eu me coloco no lugar do torcedor e acho que ele tem o direito de cobrar, porque nós já estamos há a quatro jogos sem vencer. O jeito que o Botafogo iniciou a Série B, deu uma expectativa maior ao torcedor. Sabemos que estamos devendo. Temos que manter a tranquilidade, voltar a fazer bons jogos e vencer dentro de casa, que é importante”, disse o atacante.

Na próxima rodada, o Tricolor terá mais uma partida em casa, para tentar afastar a crise. O Pantera recebe o São Bento, penúltimo colocado na competição. Para o camisa 11 do Fogão, a obrigação é de vitória.

“Jogando em casa, a intenção é sempre vencer. A responsabilidade é de vencer em casa. A gente tinha o objetivo de fazer seis pontos, deixamos escapar dois. Temos a oportunidade de, em mais um jogo em casa, buscar a vitória. Todo mundo está no mesmo objetivo e sintonia para que a gente vença”, afirmou Júlio César.

Botafogo e São Bento se enfrentam na sexta-feira (13), às 19h15, no estádio Santa Cruz.

Foto: Raul Ramos / Agência Botafogo

Tonin 700
Drogao 500×300
Gran Steak 500×300
%d blogueiros gostam disto: