Festa de Réveillon em Copacabana, no Rio de Janeiro, é cancelada

A tradicional festa de Réveillon na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, está cancelada. O prefeito Eduardo Paes fez o anúncio na manhã deste sábado. Paes disse que respeita a ciência e que, sempre que houver opiniões divergentes entre os comitês científicos, da prefeitura e do governo do estado, prevalecerá a orientação mais restritiva em relação ao enfrentamento à Covid. 

O fator predominante para cancelar o evento é o risco que representaria, diante do avanço em vários países da nova variante do coronavírus. A Ômicron já tem casos confirmados também no Brasil, por enquanto em pessoas que chegaram do exterior, e se transformou em motivo mundial de alerta.

O prefeito afirmou, ainda, que tomou a decisão do cancelamento da Festa da Virada com tristeza, mas que a prefeitura não tem como organizar a celebração sem a garantia de todas as autoridades sanitárias.

Há quatro dias consecutivos, o Rio não registra mortes por Covid. e, diante desse cenário, Eduardo Paes avalia que, apesar do cancelamento do Réveillon, turistas nacionais e estrangeiros, que estejam vacinados, são bem-vindos na cidade, que tem a tradição de receber milhares de visitantes nesta época do ano.

Esta semana, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a cidade alcançou a marca de 90% da população de 12 anos ou mais de idade com o ciclo completo da vacina contra a Covid.

 Por Solimar Luz – Repórter Rádio Nacional – Rio de Janeiro

Leia Mais

W Sports
Espaço Publicitario