Gladstone admite pontos a melhorar no Botafogo, mas destaca evolução contra o Mogi Mirim

Um dos jogadores mais experientes do Botafogo no atual elenco do time que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro, o zagueiro Gladstone, até o momento titular absoluto, admitiu que alguns detalhes precisam ser melhorados dentro de campo. Apesar disso, o defensor destacou que a equipe tem aprendido com os erros, e citou a partida de estreia como exemplo.
“Todo jogo que a gente for falar do pós, a gente sempre vai achar alguma coisa que pode ser melhorada, mas o bom que é que conseguimos corrigir. No jogo contra o Bragantino, por exemplo, a gente sofreu porque fugimos da nossa característica, e contra o Mogi não. Mantemos mais a posse, correndo até alguns riscos, mas isso proporcionou um maior número de chegada ao gol adversário”, disse o jogador.

O próximo detalhe a ser corrigido nas próximas rodadas, segundo Gladstone, é o momento inicial. Contra o Mogi Mirim, o adversário chegou com perigo e teve boas oportunidades de abrir o placar logo nos primeiros minutos da partida, o que poderia comprometer a proposta do Pantera em campo.
“Não podemos entrar com aqueles cinco minutos de apagão que teve contra o Mogi Mirim. Tem que ser melhorado isso, tirar mais pressão do homem da bola, que tem chegado muito na nossa áreas, mas são coisas que vão ser trabalhadas e corrigidas, até que a gente chegue em um certo nível aceitável”, concluiu.
Um dos líderes do Grupo 2 da Série C com quatro pontos, o Botafogo volta a campo na segunda-feira, às 19h, contra o Volta Redonda, que tem três tentos, no estádio Raulino de Oliveira.

Foto: Rogério Moroti | Ag. Botafogo

Unimed 300X200

 

Gran Steak 500×300
Novo Shopping 500×300
Tonin 500×300
%d blogueiros gostam disto: