Gleyson salva e Comercial empata com Francana nos acréscimos

Foi no sufoco. Mas o empate veio em Franca. No estádio Lancha filho, os dois times fizeram uma partida truncada, burocrática. O Comercial jogando pelo empate e a Francana sem criação para chegar no gol do alvinegro.

Com o placar em branco no primeiro tempo, os gols do jogo foram marcados apenas no segundo tempo. Fornazari abriu o placar para os donos da casa aos 30 minutos, enquanto Gleyson empatou na bacia das almas, aos 48.

Drogao 700×400

Resultado que dificulta muito a vida da Veterana e mostra força do Comercial, que buscou o empate na casa do rival e diminuiu um ponto dos líderes Flamengo de Guarulhos e São José.

+ Recuperado, Leonai deve voltar contra a Francana

O jogo

O primeiro tempo foi disputado, mas o zero não saiu do placar. Aos onze, Michel Renner subiu de cabeça após lançamento de Cesinha, mas a bola passou a esquerda do goleiro Bruno.

Na sequência, Gleyson também teve sua oportunidade. O camisa nove alvinegro subiu mais alto que o zagueiro, mas a bola passou por cima do gol.

Aos 35 a veterana quase abriu o placar. Em escanteio, Allan Patrick tentou surpreender e bateu no rumo do gol, mas Geílson socou a bola e aliviou o lance.

Aos 45, a Francana trabalhou a bola, que sobrou para Radsley chutar. De fora da área, o meia exigiu boa defesa de Geílson, antes do intervalo.

Com a vantagem de jogar pelo empate, o Comercial passou a fechar espaços da Veterana, buscando contra-ataques sem pressa.

A Francana passou a jogar na ligação direta no segundo tempo, sem grande criatividade no meio campo. O jogo ficou ainda mais truncado, com poucos lances perigosos.

Com falta de oportunidades para os dois lados, Geílson trabalhou apenas no minuto 27, quando o atacante Fornazari cabeceou no rumo do goleiro, que defendeu com facilidade.

+ Matheus China elogia intensidade e determinação do Comercial

Aos 30 minutos, veio o gol da Veterana. Em rápido contra-ataque puxado por Eric Mamer, Neto recebeu pela esquerda e bateu para dentro da área. Fornazari só teve o trabalho de empurrar para dentro das redes do goleiro Geílson.

Na sequência, Pinho promoveu sua primeira alteração. Saiu Cesinha e entrou o atacante Paulo Henrique. Com isso, Pinho buscava mais ofensividade no time. Na sequência entrou Zé Andrade no lugar de Michel Renner.

A partir do gol, o Comercial passou a buscar mais o ataque, tentando empatar a partida de qualquer jeito. Mas, nos contra-ataques, a Francana chegava mais.

Aos 42, Neto tentou um voleio na entrada da área e exigiu belíssima defesa de Geílson na jogada mais plástica do jogo. No lance seguinte, Pinho promoveu a entrada de Maycon no lugar de Lineker.

Mas, aos 48 minutos, o gol de empate saiu. E foi do artilheiro. Matheus China cobrou falta de longe na área, Michael Douglas testou para trás, a defesa da Veterana se atrapalhou e ele, Gleyson, marcou o gol de empate do Leão do Norte.

Objetos atirados em campo, expulsão de Paulinho MacLaren e final de jogo. Com isso o Comercial fez seu quarto ponto e praticamente eliminou a Francana, que agora precisará vencer todos os jogos restantes.

Com o empate e a vitória do São José sobre o Flamengo de Guarulhos em São José dos Campos por dois a zero, o grupo embolou ainda mais.

Flamengo e São José dividem a liderança com seis pontos, enquanto o Comercial vem logo atrás com quatro. Já a Francana tem apenas um ponto e está na lanterna do grupo.

O próximo jogo do Comercial será novamente a Francana, no domingo, 10h, no estádio Palma Travassos.

Foto: Rafael Alves / Comercial FC

 

 

 

 

Drogao 500×300
Gran Steak 500×300
%d blogueiros gostam disto: