Hospital Unimed Ribeirão encerra ala UTI Covid

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

om os números de contaminação por Coronavírus e de internações caindo cada vez mais na cidade, a Unimed Ribeirão Preto informa que desativou nesta semana a ala Covid – espaço criado no início da pandemia para atendimentos a pacientes contaminados pela doença. Com isso, os ambientes criados para internações e UTI foram encerrados e darão lugar agora para outros procedimentos do hospital. 

O médico intensivista, Gil Cezar Alkmim Teixeira, coordenador da UTI adulto do Hospital da Unimed Ribeirão Preto, lembra que, no pico máximo da contaminação pelo Coronavírus, o hospital chegou a ter 26 leitos de Covid na UTI e outros 40 destinados à internação nos andares – todos ocupados. “Os leitos foram reduzidos paulatinamente e há mais de duas semanas não temos nenhuma internação”, destaca. Segundo ele, a ala Covid será transformada em uma nova UTI para outros tipos de tratamento. “O fechamento dos leitos de Covid representa um recomeço. Uma vitória de todos os profissionais que se entregaram na luta contra o desconhecido”, completa. 

O presidente da Unimed Ribeirão Preto, Gustavo Ribeiro de Oliveira, destaca que a desativação das alas específicas de internação e UTI Covid do Hospital Unimed Ribeirão Preto foi estratégica, possibilitando assim a extensão para outros atendimentos da rede hospitalar, tendo como foco sempre a saúde e o compromisso de dar continuidade aos projetos já iniciados. Com isso, a cooperativa médica mantém sua rede de serviços, como o Centro de Atendimento ao Coronavírus e serviços de telemedicina. “A pandemia trouxe para nós o aprendizado e a busca por soluções rápidas e assertivas o tempo todo. Vivemos um período de mudanças constantes e isso acabou amadurecendo nossas equipes. Continuaremos atentos e oferecendo o melhor atendimento para essa nova fase, com qualidade e com foco humanitário de sempre”. 

Desde que a pandemia chegou ao Brasil, o Hospital Unimed Ribeirão Preto se mobilizou em tempo recorde para a criação de uma nova estrutura de atendimento, com novos protocolos de saúde e mobilização de equipe. “Foram 18 meses nesta jornada que contou com muita união, dedicação e aprendizado, mas, sobretudo, o empenho de todos os nossos profissionais para oferecermos sempre o melhor cuidado em tempo integral a favor da saúde. Nossa vocação para o cuidado e a qualidade da assistência oferecida aos pacientes ficaram muito evidentes”, ressalta Julio Cesar Paim, diretor geral e CEO da Unimed Ribeirão Preto. 

Segundo ele, a vigilância e protocolos necessários para manter a situação sob controle ainda permanecem em alta.

Durante 18 meses, em todas as unidades próprias da Unimed Ribeirão Preto foram atendidos 101.433 casos de Covid. O Hospital Unimed Ribeirão Preto registrou 1.544 internações de pacientes com Covid.


NOVA ESTRATÉGIA 

Os casos suspeitos de Covid continuam no CAC – Centro de Atendimento Coronavírus 24 Horas, na avenida Nove de Julho, 222. O atendimento para crianças continuará sendo realizado no plantão 24 horas do Hospital São Paulo (Rua Visconde de Inhaúma, 1.600). Internação Covid, quando necessárias, serão realizadas apenas no Hospital São Paulo. Pessoas que apresentam sintomas da doença também poderão ser atendidas em toda a rede Unimed Ribeirão Preto.

Leia Mais

W Sports
Espaço Publicitario