Já pressionado, Botafogo inicia a disputa da Copa Libertadores contra o Colo-Colo

O Botafogo inicia nesta quarta-feira sua trajetória na Libertadores contra o Colo-Colo, do Chile, no estádio Nilton Santos. Os alvinegros entram em campo pressionados pelos maus resultados do início do Estadual, mas terão o apoio da torcida em busca de um bom resultado para ter tranquilidade em Santiago.

Os cariocas iniciaram a semana envolvidos em algumas polêmicas. Os atacantes Canales e Sassá não foram inscritos na competição continental, assim como os volantes Dudu Cearense e Rodrigo Lindoso. O técnico Jair Ventura não quis falar sobre as escolhas e preferiu destacar a importância de um bom resultado do confronto em casa para o Botafogo.

“A gente fala sempre da importância de fazer resultado em casa, mas tomar cuidado para não tomar gol. Então tem que buscar o equilíbrio, mas lógico que vamos buscar a vitória com o apoio da nossa torcida”, disse.

> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook

Principal reforço do clube para a temporada, o meia Montillo lembrou que o Botafogo vai a campo com uma escalação que conta com alguns experientes jogadores. Ele espera que os alvinegros possam ter tranquilidade para sair do jogo com um bom placar.

“Temos muitos jogadores experientes no time. Tem que ser muito forte jogando em casa, tentar fazer uma diferença boa e no Chile passar de fase. Este jogo será muito importante. Tomara que a gente esteja o mais tranquilo possível”, declarou.

O argentino salientou que os botafoguenses não podem ser afobados em busca do resultado. Por conta disso, Montillo foca em uma boa atuação para os gols saírem naturalmente.

“Tem que saber que tem outro jogo, ser inteligente nessa hora. Tomara que possamos jogar melhor do que fizemos no Carioca. Sabemos que está todo mundo empolgado, tanto nós quanto a torcida. Tomara que a gente possa dar alegria ao torcedor”, comentou.

A grande novidade na escalação do Botafogo será Montillo ao lado de Camilo, algo que ainda não aconteceu na temporada. O argentino revelou como será o posicionamento em campo de cada um dos meias.

“A gente vai se alternar, pois temos dois meias. Camilo é muito inteligente, sabe jogar em qualquer posição do campo. A gente quer que ele continue indo para a seleção. Ajudando ele vai ficar mais fácil”, falou.

Pelo lado do Colo-Colo, o técnico Pablo Guede espera surpreender o Botafogo. Para isso, ele conta com o zagueiro Baeza e o meia Véjar, principais jogadores do elenco na temporada passada. Ainda sem ter estreado no Campeonato Chileno, a equipe da capital realizou alguns amistosos. No último, vitória sobre o Lanús, da Argentina. No entanto, o comandante espera duelo complicado no Rio de Janeiro.

“Tudo no Botafogo me preocupa. Vamos lá e veremos o que somos capazes de fazer. É um jogo de Copa Libertadores e você não pode dar nada de graça, ou dar sorte para o azar”, destacou.

Foto: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: