Página Inicial Palmeiras Após eliminação, Eduardo Baptista vê Palmeiras como um ‘time mais forte’ e projeta Libertadores

Após eliminação, Eduardo Baptista vê Palmeiras como um ‘time mais forte’ e projeta Libertadores

Escrito porRedação Wsports 24 24America/Sao_Paulo Abril 24America/Sao_Paulo 2017
O Palmeiras venceu neste sábado, mas não conseguiu se classificar para a grande decisão do Campeonato Paulista. Jogando no Allianz Parque, o Verdão fez 1 a 0 diante da Ponte Preta, mas, por conta da derrota por 3 a 0, no duelo de ida, em Campinas-SP, deu adeus ao Estadual. Após o embate deste fim de semana, o técnico Eduardo Baptista comentou sobre a eliminação do clube no torneio.
“O Palmeiras fez a melhor campanha do Paulista até o momento e foi eliminado por causa de 20 minutos em Campinas. Fica a lição de que não adianta só o nome, não adianta ser o Palmeiras e ter jogadores como o Palmeiras tem. Tem de entrar e lutar, assim como foi hoje. Não fomos eliminados hoje, fomos eliminados em Campinas. Tivemos essa lição, nós conversamos no vestiário. Com essa determinação de hoje, não teríamos aquele placar de Campinas”, afirmou.
> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook
Fora do Paulista, agora o foco é na Libertadores – na quarta-feira, às 21h45, o desafio será contra o Peñarol-URU, no Uruguai.
“Foi um jogo pesado, sabíamos disso. Amanhã (domingo) temos a reapresentação, avaliaremos quem está mais seguro. Foi um jogo de doação, tudo o que treinamos e propomos, eles cumpriram à risca. Taticamente tudo foi feito. Agora é reapresentar amanhã e levantar direitinho quem está recuperado para este jogo de quarta”, comentou o treinador, que vê uma equipe mais madura após a participação no Regional para a sequência da temporada.
“Temos a Libertadores, logo tem a Copa do Brasil e o Brasileiro. Essa lição tem de ser levada. Vejo o time saindo mais forte do que entrou. Esta lição que tivemos nos dois confrontos maturou a equipe, sentimos isso depois do jogo”, finalizou.
Depois de jogar contra o Peñarol-URU, fora de casa, pela Libertadores, o Palmeiras volta a campo no dia 03 de maio (quarta), às 21h45, para enfrentar o Jorge Wilstermann-BOL, na Bolívia, novamente pela competição internacional. Já no dia 14 de maio (domingo), às 16h, contra o Vasco, no Allianz Parque, o Alviverde faz a sua estreia pelo Campeonato Brasileiro.

Foto: Cesar Grecco | Ag. Palmeiras