Página Inicial Santos Diretoria do Santos pede reforço policial para a partida contra o Botafogo na Vila Belmiro

Diretoria do Santos pede reforço policial para a partida contra o Botafogo na Vila Belmiro

Escrito porRedação Wsports 24 24America/Sao_Paulo Fevereiro 24America/Sao_Paulo 2017

O Botafogo pode enfrentar um clima favorável na Vila Belmiro na partida desse sábado, às 16h, contra o Santos, pela sexta rodada do Campeonato Paulista.

Há três jogos sem vencer – derrotas para São Paulo e Ferroviária, em casa, e empate com o Ituano, fora -, o elenco santista foi cobrado por membros de uma torcida organizada no treino da última quinta-feira. Cerca de 30 pessoas foram até o CT Rei Pelé.


No local, o grupo foi atendido pelo técnico Dorival Júnior, os auxiliares Serginho Chulapa e Elano e mais um segurança. A conversa durou poucos minutos, já que o elenco do Peixe se recusou a conversar com as pessoas que tentaram invadir o Centro de Treinamento.

> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook

Logo depois da confusão, a polícia foi acionada pelo clube, mas não houve confronto, já que os torcedores prometeram um protesto pacífico no local. Cerca de 15 minutos depois do início da confusão, os torcedores deixaram o CT Rei Pelé, e a coletiva concedida pelo volante Yuri seguiu normalmente.

Segundo informações, a diretoria do Santos pediu reforço para a partida desse sábado, às 17h, na Vila Belmiro, contra o Botafogo.

Foto: Reprodução