Página Inicial São Paulo “Não é uma derrota no clássico que vai tirar tudo que a gente fez”, diz Rodrigo Caio; Pratto é dúvida

“Não é uma derrota no clássico que vai tirar tudo que a gente fez”, diz Rodrigo Caio; Pratto é dúvida

Escrito porRedação Wsports 13 13America/Sao_Paulo Março 13America/Sao_Paulo 2017

Antes de a bola rolar neste final de semana, na Arena Allianz Parque, o Tricolor acumulava nove jogos consecutivos de invencibilidade e buscava um resultado positivo no clássico contra o Palmeiras para dar sequência ao bom momento da equipe neste início de temporada. A derrota no Choque-Rei por 3 a 0, porém, não diminuiu a confiança dos são-paulinos, que deixaram o estádio de cabeça erguida para retomar ao caminho das vitórias nos próximos jogos.

“O Palmeiras fez uma boa partida, marcou forte e conseguiu pressionar a nossa equipe. Não conseguimos ter profundidade, não conseguimos criar lá na frente, mas isso faz parte do passado. Conseguimos tocar a bola, chegar um pouco mais, mas infelizmente tomamos o segundo gol e acabamos baixando um pouco a intensidade e tomamos o terceiro. Não é uma derrota no clássico que vai tirar tudo que a gente fez”, avaliou o zagueiro Rodrigo Caio, que completou.


“Saímos de cabeça erguida, porque temos que seguir trabalhando para corrigir os erros de olho nos próximos jogos. Infelizmente hoje nada deu certo. A gente vinha de vitórias e perder um clássico não é bom para nós, mas a confiança não pode abalar. Vamos trabalhar da mesma forma e com tranquilidade, que as coisas vão acontecer para a gente”, opinou o camisa 3.

> Receba as notícias do futebol em primeira mão. Curta a página Wsports no Facebook

Lucas Pratto

O atacante Lucas Pratto passou na manhã deste domingo por uma cirurgia para correção de uma fratura no nariz causada por um choque com um atleta do Palmeiras no clássico do último sábado.

A cirurgia foi bem sucedida, o centroavante argentino já está em casa e sua presença na partida da próxima quarta-feira, contra o ABC-RN, pela Copa do Brasil, ainda dependerá de uma avaliação na véspera do confronto. Caso seja liberado, o camisa 14 usará uma proteção durante o jogo contra os potiguares.

Foto: Rubens Chiri | Saopaulofc.net