Murilo lamenta má fase do Botafogo-SP, mas não concorda com as críticas: “Não está tudo errado”

Após um início de campeonato muito empolgante, o Botafogo vive seu pior momento na Série B do Campeonato Brasileiro. Já são três jogos sem vencer na competição e as desconfianças e críticas começam a surgir no Estádio Santa Cruz. Nas últimas três rodadas, o Pantera empatou com a Ponte Preta, perdeu para o Figueirense e, após a parada para a Copa América, foi derrotado pelo Brasil de Pelotas-RS, em pleno Santão. 

O meio campista Murilo lamentou esse período sem vitórias, mas disse que o Botafogo não pode deixar que esses jogos sem vencer abalem a confiança do time. Para o meia, o Pantera precisa levantar a cabeça e corrigir os erros. 

Tonin 500

“É uma situação chata, três jogos sem vencer. Não fomos bem no último jogo, fui para casa chateado, meus companheiros também, a gente tem uma cobrança interna e sabemos que não foi legal os últimos jogos, mas não podemos abaixar a cabeça, o pensamento tem que ser positivo e melhorar o que estamos errando”, afirmou o camisa 94. 

Há algum tempo o treinador do Botafogo, Roberto Cavalo, vem pedindo reforços para a diretoria, principalmente por conta das lesões sofridas por jogadores ofensivos, casos de Bruno José, Nadson, Wellington Bruno, Bruno Moraes, Júlio César e Felipe Saraiva, que voltou recentemente. 

Para Murilo, a má fase não pode ser atribuída a perda desses jogadores, já que o Pantera tem um bom elenco, capaz de suprir a falta de alguns atletas. Murilo ainda disse não concordar com quem fala que está tudo errado no Tricolor por conta desse período sem vencer. 

“Não é só um jogador que vai decidir a partida, é o time todo. A gente vem lutando bastante, mas infelizmente não estão vindo os resultados e aí aparecem as críticas, mas a gente entende isso, jogador vive de momentos bons e ruins, mas temos tudo para melhorar. Até três partidas atrás, estava bem e agora estão achando que está tudo errado e eu não concordo com isso”, disse o meia. 

“A gente ouve bastante coisa, mas eu não procuro ficar indo atrás, prefiro pensar em mim, no que eu tenho que melhorar e a gente sabe que tem que melhorar, porque nas primeiras rodadas a gente estava indo bem, lá em cima e aí todo mundo falava que estava tudo certo, agora todo mundo fala que está tudo errado, mas não é assim. Nós temos condições de melhorar e voltar a fazer o que estávamos fazendo”, destacou o meia, falando que não gosta de ficar indo atrás das críticas que andam sendo feitas.

A próxima partida será de extrema importância para o Botafogo. No sábado (20), o Pantera enfrenta o Guarani, às 19h, no Estádio Santa Cruz. 

Foto: Raul Ramos/Agência Botafogo 

 

Tonin 700
Drogao 500×300
Gran Steak 500×300
%d blogueiros gostam disto: