radio-wsports
Clique e ouça aqui!

Nacional vence Noroeste mais uma vez e avança às semifinais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

O Nacional é o segundo time garantido nas semifinais do Paulistão A3 e se junta ao Votuporanguense na dsputa pelo tão sonhado acesso. Depois de vencer o jogo de ida em São Paulo, por 2 a 0, o time da capital contou com um gol nos acréscimos do segundo tempo para superar o Noroeste mais uma vez, desta vez por 1 a 0, no estádio Alfredo Castilho, em Bauru, e carimbou o passaporte para a sequência do estadual nesta segunda-feira (31).

Agora, o Nacional aguarda os outros dois jogos da rodada de volta das quartas de final, para conhecer o seu adversário nas semifinais. Isso porque, os confrontos serão definidos por campanhas. Vale lembrar, que o Noroeste tinha a vantagem de jogar por dois resultados iguais no placar agregado, mas mesmo assim não conseguiu fez valer a liderança da primeira fase e acabou eliminado.

UNIMED

A partida começou bastante truncada no meio-campo, com os dois times trocando passes e buscando espaço para chegar com perigo ao gol adversário. Tanto que a primeira chance de perigo só foi acontecer aos 25 minutos, quando Bruno Recife recebeu em liberdade na entrada da área e soltou o pé. A bola tinha destino certo, porém desviou na zaga adversária e saiu por cima do gol.

A resposta do Nacional veio em uma jogada bem parecida. Aos 27 minutos, depois de uma boa troca de passes, a bola chegou nos pés de Brenner, que bateu cruzado, mas saiu à esquerda do gol de Wendell Péricles com muito perigo. Já aos 38 foi a vez de Éder Paulista ter sua chance depois de um contra-ataque rápido, mas parou em uma boa defesa do goleiro adversário.

Na volta do intervalo e correndo contra o tempo para reverter a desvantagem, o Noroeste fez pressão nos minutos iniciais. Aos sete, depois de um bate-rebate na área, John Egito pegou a sobra e mesmo com o goleiro já batido no lance, chutou para fora. Já o experiente Alecsandro seguia tentando como podia e infernizando a zaga adversária, mas não conseguia levar perigo.

A partir daí, o ritmo da partida caiu bastante e os dois treinadores fizeram diversas substituições. Mesmo em vantagem, foi o Nacional que criou as melhores chances no final da segunda etapa e depois de muito tentar, marcou o único gol da partida aos 45. Depois de um cruzamento na área, Guilherme Lobo apareceu sozinho na área e mandou de primeira para o fundo das redes, decretando a classificação do clube da capital.

(CRÉDITO: GABRIEL FERRARI/NACIONAL AC)

Leia Mais

W Sports