Página Inicial Notícias Brasil aumenta coleção de medalhas no atletismo com ouro no lançamento de disco

Brasil aumenta coleção de medalhas no atletismo com ouro no lançamento de disco

Escrito porWsports 13 13America/Sao_Paulo setembro 13America/Sao_Paulo 2016

Alessandro Silva conquista o título Paralímpico e reforça condição da modalidade como a mais vitoriosa do país no Rio 2016

Brasil aumenta coleção de medalhas no atletismo com ouro no lançamento de disco

Alessandro Silva comemora bastante o ouro no lançamento de disco F11 (Foto: Rio 2016/Brandão)

O atletismo reforça a cada dia a condição de esporte mais vitorioso do Brasil nos Jogos Paralímpicos Rio 2016. O sexto ouro na modalidade veio nesta segunda-feira (12) com Alessandro Silva, que quebrou o recorde Paralímpico do lançamento de disco classe F11, no Estádio Olímpico (Engenhão).

Entenda a classificação dos atletas Paralímpicos no Rio 2016

O brasileiro venceu a prova com a marca de 43,06m e ficou um pouco abaixo do recorde mundial de 44,44m, que pertence ao espanhol Alfonso Lopez-Fidalgo. A prata ficou com o italiano Oney Tapia, com 40,89m, e David Casinos Sierra, da Espanha, ganhou o bronze.

Confira o calendário e os resultados do dia no atletismo

Alessandro Silva em ação na prova que lhe valeu a medalha de ouro (Foto: Rio 2016/Brandão)

Bronze vira prata

A sessão noturna do atletismo tinha começado com a conquista da prata no revezamento 4x100m classes T42-47. A equipe brasileira medalhista no revezamento foi formada por Renato Nunes da Cruz, Yohansson Nascimento, Petrúcio Ferreira e Alan Fonteles.

Os Estados Unidos venceram a prova, mas acabaram desqualificados devido a uma transição fora da área determinada – na prova não há bastão. Assim, a Alemanha herdou a medalha de ouro, o Brasil levou a prata e o Japão ganhou o bronze. Com 40s82, os alemães quebraram o recorde Paralímpico.

Pela manhã, subiram ao pódio Fábio Bordignon, nos 200m T35, e Rodrigo Parreira, no salto em distância T36. Até agora, o atletismo já rendeu 17 medalhas para o Brasil, sendo 6 de ouro, 7 de prata e 4 de bronze.

Brasileiros comemoram a medalha no revezamento (Foto: Rio 2016/Brandão)

Foto: Rio 2016
Fonte: Rio 2016

tres_estrelas_assinatura

[widgets_on_pages id=”mais futebol”]