Página Inicial Notícias Quarteto entra para seleto grupo de estrangeiros campeões nacionais pelo Verdão

Quarteto entra para seleto grupo de estrangeiros campeões nacionais pelo Verdão

Escrito porRedação Wsports 15 15America/Sao_Paulo dezembro 15America/Sao_Paulo 2016

Os argentinos Allione e Cristaldo, o paraguaio Lucas Barrios e o colombiano Yerry Mina entraram para o seleto hall de jogadores estrangeiros campeões brasileiros pelo Palmeiras.

O primeiro da lista foi o ponta peruano Gallardo, campeão do Roberto Gomes Pedrosa de 1967. No mesmo torneio, Pérez, goleiro paraguaio, também levantou a taça e cravou o seu nome na história palestrina. Em 1972, foi a vez do meia direita argentino Madurga. E havia parado por aí. Nas taças de 1973, 1993 e 1994, não havia nenhum gringo no grupo.


O hiato se encerrou em 2016. Allione e Cristaldo sucederam Madurga, Barrios se juntou a Pérez, e Mina se eternizou como o primeiro colombiano – Rincón atuou pelo clube em 1994, mas saiu antes do início do Brasileirão.

“Estou muito contente por tudo o que ocorreu comigo e com os meus companheiros neste ano. Fizemos um campeonato todo muito bem e para mim é muito especial fazer história neste clube tão grande”, afirmou o zagueiro camisa 26, que soma 15 partidas e quatro gols pelo Alviverde.

Allione também comentou o feito e lembrou do ano em que chegou. “Cheguei ao clube em 2014, quando tivemos uma temporada bem difícil. A partir de 2015, com bastante trabalho, ficamos muito mais competitivos e ganhamos dois títulos nacionais. É lindo demais poder fazer parte dessas conquistas e de entrar para a história de um clube tão grande como o Palmeiras”, disse o camisa 20, que contabiliza 71 duelos e sete bolas na rede.

Vitorioso por onde passou, Lucas Barrios citou a sensação diferente de ter sido campeão no Verdão. “Conquistei títulos em quase todos times que passei e, felizmente, aqui não foi diferente. Sair campeão pelo Palmeiras e acabar com um período de 22 anos foi muito especial. A festa que a torcida fez e o carinho que ela tem com todos nós nunca sairá da minha memória”, finalizou o camisa 8, que já entrou em campo 43 vezes e balançou as redes rivais em 12 ocasiões.

Fonte: Agência Palmeiras