Por norma da CBF, Botafogo vai passar a treinar em campo anexo ao Santa Cruz

O acesso para a Série B está sendo bastante comemorado pela diretoria e torcida Botafoguense, mas subir de divisão, também implica com alguns deveres que precisam ser cumpridos pelos integrantes da primeira e segunda divisão do futebol brasileiro.

Uma importante exigência da CBF vai forçar o Botafogo fazer uma importante modificação estrutural no clube. Em outubro de 2017, a entidade lançou uma cartilha que precisa ser seguida por todos os clubes integrantes das Séries A e B.

Drogao 700×400

Na cartilha consta que os clubes não podem treinar no mesmo campo em que vão mandar os seus jogos, ou seja, o Pantera não vai mais poder usar o estádio Santa Cruz para treinamentos.

“A gente orienta que o clube tenha um local de treinamento separado do campo onde ele joga. Pode ser um anexo. Não pode treinar no gramado que joga. Então, se o clube hoje não tem essa condição, ele vai ter de buscar. Estamos começando de uma forma educacional esse ano, então ele vai ter de providenciar um CT, alugar um, ou até apresentar um projeto à CBF”, afirmou Reynaldo Buzzoni, diretor de registros da CBF, em entrevista no ano de 2017.

+ Yuri afirma que deseja continuar no Bota e define 2018: “Esperança”

Já pensando no próximo ano, o presidente do Botafogo, Gerson Engracia Garcia, revelou em entrevista ao globoesporte.com, que o clube vai reformar um dos campos anexos ao Santa Cruz, onde treinam as escolhinhas do Pantera.

“Tem essa exigência da CBF e os clubes de Série A e B [do Brasileiro] não poderão treinar no campo que jogam. Nós vamos melhorar o primeiro campo da escolinha, o que fica mais próximo do estádio (paralelo à Avenida Maurílio Biagi). Ele tem as dimensões oficiais e já vamos nos adiantar nas reformas”, contou Gerson Garcia.

Gerson revelou os procedimentos que serão feitos no campo para tornar apto ao uso do futebol profissional e afirmou que tanto a reforma do campo anexo, quanto o do estádio Santa Cruz, serão realizadas entre outubro e novembro.

“Tem que trocar toda a grama, melhorar, instalar o sistema de irrigação para molhar o campo. Vamos reformar o campo nosso também, adubar, tirar erva daninha, fazer a compactação. Isso também acontecerá entre outubro e novembro. É tempo suficiente para estarmos prontos no Paulistão”, disse o presidente.

As obras que visam a modernização do estádio Santa Cruz já estão em andamento, e em breve, mais novidades devem pintar.

Foto: Leonardo Del Sant / WSports

 

Drogao 500×300
Gran Steak 500×300
Novo Shopping 500×300
Tonin 500×300
%d blogueiros gostam disto: