radio-wsports
Clique e ouça aqui!

Red Bull Bragantino bate a Chapecoense por 3 a 0 na primeira rodada do Brasileirão Assaí 2021

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype
Em Chapecó (SC), o Massa Bruta conquistou seus três primeiros pontos no campeonato nacional com gols de Ytalo, Lucas Evangelista e Helinho

O Massa Bruta começou bem no Brasileirão Assaí 2021! Na noite deste domingo (30), na Arena Condá, em Chapecó (SC), o Red Bull Bragantino superou a Chapecoense por 3 a 0. Ytalo, Lucas Evangelista e Helinho marcaram os gols da equipe visitante no duelo válido pela primeira rodada do campeonato. 

O jogo

Gran Steak 500×300

Chapecoense e Red Bull Bragantino fizeram um bom primeiro tempo na Arena Condá. Aos 18 minutos, a Chape levou perigo com Perotti. O jogador recebeu passe na área e chutou para o gol. O goleiro Cleiton fez boa defesa. Aos 29, Laércio aproveitou cruzamento na área e chutou por cima do gol do Bragantino.

Pressionado, o Massa Bruta respondeu e abriu o placar na Arena Condá com Ytalo. Aos 32, ele aproveitou lançamento de Fabrício Bruno e mandou para o fundo das redes de carrinho. Dois minutos depois, o Bragantino ampliou. Eric Ramires cruzou na área e Lucas Evangelista mandou de cabeça para o gol da Chape.

O Bragantino voltou para o segundo tempo disposto a balançar as redes. Logo aos cinco minutos, Fabrício Bruno cabeceou forte e Tiepo fez grande defesa. Dois minutos depois, Arthur cruzou para Helinho e, livre de marcação, o atacante chutou por cima do gol. Aos 22, o meia Claudinho arriscou de fora da área e acertou o travessão da Chapecoense. Melhor no jogo, o Bragantino chegou ao terceiro gol da noite com Helinho, aos 28. O atacante invadiu a área, cortou o marcador e chutou para o fundo do gol. 

O Verdão do Oeste tentou diminuir o placar. Aos 33 minutos, Busanello chutou cruzado e levou perigo ao Braga. Três minutos depois, Geuvânio recebeu lançamento e bateu cruzado. Cleiton fez a defesa e a bola passou perto do gol dos visitantes. Já nos acréscimos, aos 46, o Braga quase marcou o quarto gol. Dentro da área, Pedrinho chutou e viu a bola bater na rede pelo lado de fora.

Créditos: Dinho Zanotto/Agif

Leia Mais

W Sports