Reformas, salários e contratações: Rangel Scandiuzzi faz balanço do Leão

A reestruturação no Comercial segue a todo vapor. Reformas, montagem de elenco e pagamentos são os principais pontos em que a nova diretoria está gastando mais energia para resolver.

A pouco mais de dois meses no comando do Leão, a gestão já conseguiu sanar problemas que há bastante tempo vinham assombrando Palma Travassos. Os salários de todos os funcionários do clube estão em dia, inclusive com os depósitos de FGTS e 13º pagos.

Segundo o diretor Comercialino, Rangel Scandiuzzi, o principal acerto da diretoria foi o pagamento dos funcionários.

“A parte financeira é muito difícil, não só no Comercial, mas em qualquer clube e só o fato de a gente não ter energia cortada e estar pagando os funcionários em dia, isso transparece uma credibilidade muita grande da gestão e no meio do futebol esse tipo informação corre e isso facilita o trabalho”, contou Scandiuzzi.

+ Reformas estruturais dão nova cara ao Comercial

Para o diretor, a contratação do técnico Pinho foi fundamental para o inicio do processo de reestruturação do Leão do Norte.

“Para nós a chegada do Pinho foi fundamental para o nosso planejamento, primeiramente para que nós pudéssemos oferecer essas bem feitorias em termos de infraestrutura para que quando os jogadores e comissão técnica quando chegarem terem boas condições de trabalho”, afirmou Scandiuzzi.

Apesar de o campeonato paulista da quarta divisão ter inicio previsto apenas para o mês de maio, o Alvinegro já corre atrás de jogadores para começar a montar o elenco para a competição.

“A gente entrou em contato com muitos jogadores, alguns naquela condição de que possam ser apresentados no dia 16 de janeiro, outros nós teremos que aguardar das séries A-2 e A-3 para que a gente possa concretizar e vamos sempre estudando outras possibilidades que vão surgindo”, concluiu Scandiuzzi.

Foto: João Victor/ WSPorts

%d blogueiros gostam disto: