Roberto Cavalo define bem a partida de hoje: jogo do ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

O Botafogo encara logo mais, às 21h30, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, o Santos, pela última rodada do Campeonato Paulista 2019. As equipes chegam nesta rodada em situações totalmente opostas. O Peixe, com 23 pontos, é o 2° colocado do grupo A e da classificação geral, 1 ponto atrás do RB Brasil, líder do grupo e da classificação. Já o Pantera, com apenas 8 pontos conquistados, é o primeiro time fora da zona de rebaixamento, com apenas 1 ponto a mais que o São Caetano, vice-lanterna da competição.

Para não ser rebaixado, o Pantera precisa vencer o Santos, para depender apenas de si. Se o resultado positivo não vier, o Bota tem que torcer para que o São Paulo vença ou empate contra o São Caetano, no ABC Paulista. Nesta última rodada, todos os jogos serão realizados simultaneamente.

UNIMED

O treinador do Botafogo, Roberto Cavalo, concedeu entrevista coletiva na tarde de ontem (19), antes de comandar o último técnico que antecede a partida contra o Peixe. O comandante do Pantera definiu a partida contra o Peixe como uma final.

“É uma final, sim. Não tem como tratar um jogo desse, diferente. Não tem como nós não pensarmos ou ser diferente. O grupo está preparado. Já concentramos desde ontem (segunda-feira). É o jogo do ano, o mais difícil do ano, em todos os sentidos. Por se tratar de um Santos, que a gente respeita e conhece, um dos grandes do campeonato paulista. Mas aqui dentro, diante do nosso torcedor, vamos fazer um jogo de decisão”, afirmou Cavalo

O treinador destacou a evolução da equipe nos últimos jogos. Ele também mostrou confiança nos atletas, para que o resultado da partida seja extremamente positivo para o Pantera.

“Agora chegou o último jogo. O grupo está preparado. Conversei com eles, parabenizei pela aplicação que teve contra o Mirassol. Correr atrás do resultado é mais difícil. Contra o Santos, o primeiro passo é não tomar gol. E nós temos certeza, que da maneira que estamos criando, teremos oportunidade e tomara a Deus que tenhamos a oportunidade de fazer o gol”, destacou o treinador.

Questionado se fica mais tranquilo com uma equipe do Santos que, provavelmente, jogará com os reservas, Cavalo foi enfático e destacou que no futebol não existe isso.

“O mais importante é nós termos uma equipe focada, que possa neutralizar os jogadores do Santos, seja quem for que vier jogar. O Santos hoje, com o plantel que tem, não pode ser considerado com uma equipe mista, ou um plano B. Todos eles ali são jogadores diferenciados e que devemos ter o máximo de cuidado”, disse Cavalo.

Sabendo da ajuda que o São Caetano pode dar ao Bota, Cavalo não quer que os jogadores se concentrem na partida que acontece no ABC, e foquem no Estádio Santa Cruz.

“Se você entrar em campo pensando no resultado do São Caetano você acaba perdendo o foco. Não podemos fazer nada em relação ao São Caetano. Em um piscar de olho em uma decisão você pode perder o jogo, então temos que estar muito atentos”, completou o técnico.

Todas as informações do Pantera você confere no Programa WSports News, exibido todos os dias no Canal 9 NET – TVRP, às 19h. E ao vivo no Facebook e Youtube, às 18h.

E agora você pode fazer parte do nosso time! Mande seu vídeo para o nosso WhatsApp (16) 99153-0556, e seja o nosso comentarista. Mandando sua mensagem você ainda concorre a prêmios exclusivos! Lembrando que os vídeos devem ser na horizontal e devem ter, no máximo, 40 segundos.

Leia Mais

%d blogueiros gostam disto: