Santos vence Chapecoense, embala e sobe na classificação

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

Em uma das partidas que movimentaram as disputas da 33ª rodada do Brasileirão na noite desta quarta-feira (17), o Santos fez jus ao fator casa e subiu na classificação. Jogando na Vila Belmiro, o time paulista recebeu e venceu a lanterna Chapecoense, pelo placar de 2 a 0. Marinho, ainda no primeiro tempo e Marcos Guilherme, no final da segunda etapa, marcaram os gols do jogo.

Com o resultado, o Santos chega a três jogos sem derrota e aparece na 11ª colocação, com 42 pontos, abrindo seis da zona de rebaixamento, já que o Bahia que é o primeiro time dentro do Z4, tem 36. Já a Chapecoense conheceu a sua 20ª derrota em 33 jogos e com o rebaixamento decretado com antecedência, aparece na última colocação com 15 pontos.

Precisando do resultado e jogando em casa, o Santos começou a partida tomando as rédeas do duelo nos primeiros minutos e criando as melhores chances. Apesar disso, o placar só foi sair do zero aos 22 minutos, quando Marinho sofreu pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança, após análise do VAR, e não desperdiçou.

Porém, nos minutos seguintes, o atacante sentiu a coxa e precisou ser substituído. Depois da troca, o Santos não foi mais o mesmo e a Chapecoense criou duas boas oportunidade de empatar. Na primeira, Mike arriscou um chute de fora da área e obrigou João Paulo a se esticar inteiro para fazer a defesa. No lance seguinte, Henrique Almeida roubou a bola perto da área e limpou o marcado, mas chutou para fora. Por isso, o duelo foi para o intervalo com a vitória parcial dos donos da casa.

Na volta do intervalo, a Chapecoense seguiu pressionando na busca pelo empate. A primeira boa chance veio aos sete, quando Mike pegou o rebote e cara-a-cara com o goleiro João Paulo, chutou firme, mas o arqueiro santista conseguiu se recuperar para fazer a defesa. Conforme o tempo foi passando, o Santos voltou a equilibrar a partida.

Tanto que depois de algumas tentativas, o time paulista marcou o segundo e praticamente decretou a vitória. Aos 38 minutos, Gabril Pirani foi até a linha de fundo e cruzou para trás, encontrando Marcos Guilherme, que chegou batendo de primeira para balanças às redes. Nos minutos finais, a Chapecoense não abaixou a cabeça e foi para cima, mas sem sucesso. Por isso, a partida terminou em 2 a 0 para o Santos.

Os dois times voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da 34ª rodada do Brasileirão. No sábado (20), a Chapecoense recebe o Grêmio, na Arena Condá, às 19h. Já no domingo (21), o Santos fez um clássico contra o Corinthians, fora de casa, na Neo Química Arena, às 16h.

Leia Mais

W Sports
Espaço Publicitario