radio-wsports
Clique e ouça aqui!

São Bernardo FC supera Água Santa nos pênaltis e coroa acesso com título

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype
Foi o segundo título do time de São Bernardo do Campo na competição; clube do ABC já havia sido campeão em 2012

O São Bernardo FC é campeão do Paulistão A2 Sicredi. Na tarde desta segunda-feira (31), o time coroou a campanha ao superar o Água Santa no Canindé, em São Paulo, nos pênaltis. No tempo normal, fez 2 a 0, mas cedeu o empate ao time de Diadema e, como o primeiro jogo terminou empatado sem gols, a decisão foi para os pênaltis. Os visitantes se deram melhor e venceram por 4 a 3.

Este foi o segundo título do São Bernardo FC, que já havia vencido a competição em 2012. O time termina a campanha com seis vitórias, 13 empates e duas derrotas. Vale lembrar que os dois times já estavam garantidos na elite. O São Bernardo ganhou R$ 280 mil em premiação enquanto o Água Santa levou R$ 200 mil.

UNIMED

O primeiro tempo foi nervoso e logo no começo o São Bernardo FC construiu um bom ataque, reclamou de pênalti, mas a jogada seguiu. O Água Santa fez o gol na sequência com Bambam, mas após revisão do lance no VAR, a arbitragem anulou o gol e marcou o pênalti. Léo Castro cobrou bem e abriu o placar.

A partida seguiu equilibrada, mas o Água Santa era mais perigoso. Aos 29, assustou em chute de Luan Dias de fora da área. O São Bernardo FC respondeu em jogada ensaiada de escanteio. Rafael Costa chutou da meia-lua e obrigou grande defesa do goleiro Oliveira. E quando tudo indicava 1 a 0 no intervalo, o time visitante ampliou. Aos 45, Lucas Ferron começou a jogada e recebeu de volta dentro da área. Ele chutou firme e contou com desvio no zagueiro para marcar.

O segundo tempo foi de menos oportunidades. Com o passar do tempo, o Água Santa parecia nervoso e não conseguia criar chances como no primeiro tempo. Mas isso mudou aos 21 minutos, quando Dadá Belmonte cobrou falta com perfeição e diminuiu o placar com um lindo gol.

Em busca do empate, o Água Santa se lançou ao ataque e foi premiado pela insistência aos 35 minutos, quando Lelê invadiu a área e foi derrubado. Na cobrança do pênalti, Dadá bateu no canto e rasteiro e deixou tudo igual. O Água Santa ainda teve algumas boas chegadas no fim, mas o resultado terminou empatado.

Nas cobranças, o São Bernardo FC perdeu a primeira com Patrick, mas marcou com Rafael Costa, Lucas Ferron, Eduardo Diniz e Tiago Luís. O Água Santa perdeu a primeira e quarta cobranças com Giovanni Pavani e Dieyson. Converteu com Carlos Alberto, Bambam e Dadá Belmonte.

Ficha técnica:
Água Santa 2 (3) x (4) 2 São Bernardo
Local:
 estádio Dr. Oswaldo Teixeira Duarte, Canindé, em São Paulo.
Data: 31 de maio de 2021;
Árbitra: Edina Alves Batista;
Assistentes: Neuza Ines Back e Fabrini Bevilaqua Costa;
Quarto árbitro: Adeli Mara Monteiro;
VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos;
Cartões amarelos: Oliveira, Luís Ricardo e Bruno Costa (Água Santa); Rodrigo Souza, Gasparotto, João Carlos e Natan (São Bernardo);
Gols: Léo Castro, aos 11, e Lucas Ferron, aos 45 minutos do primeiro tempo (São Bernardo); Dadá Belmonte, aos 21 e 38 minutos do segundo tempo (Água Santa).

Água Santa: Oliveira; Luis Ricardo, Bruno Costa, Helder (Luiz Eduardo) e Rhuan (Dieyson); Marzagão, Tauã (Giovanni Pavani) e Luan Dias (Carlos Alberto); Dadá Belmonte, Bambam e Lelê. Técnico: Sérgio Guedes.

São Bernardo FC: Gabriel Gasparato; Lucas Ferron, Genilson, Patrick e Pará; Natan, Rafael Costa e Rodrigo Souza; Gionnotti (Ruan), Léo Castro (Tiago Luís) e João Carlos (Eduardo Diniz). Técnico: Ricardo Catalá.

(CRÉDITO: ALEXANDRE BATTIBUGLI/PAULISTÃO)

Leia Mais

W Sports