radio-wsports
Clique e ouça aqui!

São Paulo supera o Palmeiras e volta a ser campeão paulista após 16 anos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

É campeão. Depois de 16 anos sem vencer o estadual e há nove anos sem levantar um caneco, o São Paulo enfim conseguiu acabar com a seca de títulos e neste domingo (23) se sagrou campeão do Paulistão Sicredi de 2021. Depois de ficar no empate sem gols no jogo de ida disputado no Allianz Parque, o time tricolor recebeu e venceu o Palmeiras, pelo placar de 2 a 0, no Estádio do Morumbi. Luan e Luciano marcaram os gols que confirmaram o 22º título paulista.

Para se sagrar campeão, o São Paulo fez uma campanha irretocável. Terminou a primeira fase na liderança do Grupo B, com oito vitórias, três empates e apenas uma derrota. Nas quartas de final, o Tricolor ganhou da Ferroviária, por 4 a 2. Na semifinal, contra o Mirassol, goleada por 4 a 0. O último título estadual do time tricolor havia sido em 2005 e o último troféu erguido aconteceu em 2012, quando a equipe faturou a Sul-Americana.

Assim como aconteceu no duelo de ida, a partida deste domingo (23) também começou bastante estudada, com os dois times trocando passes no meio-campo e buscando espaço para chegar com perigo ao gol adversário. Com uma marcação alta, o Palmeiras foi quem criou a primeira chance real de gol. Aos oito minutos, Danilo Barbosa recebeu na entrada da área, mas colocou muita força na bola e mandou para fora.

A partir daí, o ritmo da partida caiu um pouco dentro de campo, mas a temperatura subiu na beira do gramado após uma falta de Lizieiro sobre Rony, próximo da linha lateral, que o próprio Abel Ferreira foi tomar conhecimento. O árbitro Raphael Claus chegou rápido a confusão e abaixou os animos de ambos os lados e deu um cartão amarelo para o meio-campista do São Paulo.

Apesar disso, o duelo seguiu bastante estudado e o time da casa só foi abrir o placar em um chute de longa distância. Aos 36 minutos, Luan arriscou de longe e ainda contou com um desviou em Felipe Melo para tirar Weverton do lance e ver a bola morrer no fundo das redes. Nos minutos finais, o Palmeiras até tentou chegar ao empate, mas o duelo foi para o intervalo com a vitória parcial do São Paulo.

Na volta do intervalo, os dois técnicos fizeram algumas mudanças nas equipes que surtiram efeito e a intensidade do duelo aumentou. Tanto que logo aos cinco minutos, o atacante Luciano, que havia acabado de entrar na partida, aproveitou uma falha da defesa do Palmeiras, roubou a bola e bateu cruzado, quase fazendo o segundo gol para o São Paulo.

Porém, a segunda tentativa do camisa 11 do time tricolor foi certeira. Aos 31 minutos, Rodrigo Nestor avançou pela esquerda e cruzou na área para Luciano, que ganhou da marcação e bateu na saída do goleiro. Nos minutos finais, já com a mão no título, o São Paulo quase fez o terceiro. Aos 37 minutos, Gabriel Sara recebeu na pequena área e bateu firme, mas Weverton fez uma bela defesa. Por isso, o São Paulo venceu mesmo por 2 a 0 e se sagrou campeão.

FICHA TÉCNICA:

São Paulo 2 x 0 Palmeiras

Local: Estádio Cícero Pompeu de Toledo, no Morumbi, em São Paulo
Data e hora: 23 de maio de 2021, às 16h;
Árbitro: Raphael Claus;
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Neuza Inês Back;
Quarto árbitro: Thiago Luis Scarascati;
VAR: Márcio Henrique de Góis;
Cartões amarelos: Lizieiro e Igor Gomes (São Paulo) e Renan e Wesley (Palmeiras)
Gols: Luan, aos 36′ do primeiro tempo e Luciano, aos 31′ do segundo tempo, ambos para o São Paulo.

São Paulo: Tiago Volpi; Arboleda, Miranda e Léo; Igor Vinícius, Luan (Rodrigo Nestor), Liziero (William), Gabriel Sara, Igor Gomes (Joao Rojas) e Reinaldo; Pablo (Luciano).
Técnico: Hernán Crespo.

Palmeiras: Weverton; Luan (Gabriel Menino), Gustavo Gómez e Renan; Mayke, Felipe Melo (Danilo), Danilo Barbosa (Patrick de Paula), Raphael Veiga (Gustavo Scarpa) e Victor Luís (Wesley); Luiz Adriano e Rony.
Técnico: Abel Ferreira.

Últimas notícias

Leia Mais

W Sports