Tárik diz não estar 100% para o jogo contra o ABC-RN, pela Série C

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

Um dos destaques do Botafogo na campanha do Paulistão, o volante Tárik se destacou por uma mudança no posicionamento. No Paulistão, o volante foi utilizado jogando de zagueiro e ganhou elogios da comissão e da torcida, atuando na posição.

Entretanto, com as contratações do Botafogo, para a Série C, o volante vinha sido utilizado no meio-campo, até se contundir no jogo contra o Floresta-EC.

” Eu tive uma lesão no joelho na véspera da partida contra o Floresta, mas fiz um tratamento preventivo e até consegui atuar, gostaria de agradecer ao departamento médico. Na semana seguinte, eu voltei a tratar e treinar, mas acabei sentindo e não pude ir para a partida contra o Paysandu”, declarou o volante.

O sistema defensivo com três zagueiros, não vem agradando boa parte da torcida, que vem reclamando das atuações da defesa, tanto no coletivo, quanto individualmente. Entre a torcida e até a própria imprensa, muito se fala da volta do volante, para a zaga.

Tárik está voltando de contusão e ainda não estará em campo nesse sábado- Foto: Agência Botafogo

O Botafogo irá receber o ABC-RN em jogo válido pela sexta rodada da Série C, nesse sábado, às 17h. O volante do pantera, diz não estar apto ainda, mas garante estar se sentindo muito bem.

“Venho realizando tratamento e me sinto bem. Talvez, ainda não sei se estou pronto para a partida contra o ABC, mas estou quase 100%”, declarou.

Em pergunta exclusiva do Reportér Luis Cesar Moralles, da WSports News, Tárik revelou não ter preferência em qual posição jogar e que isso é “trabalho da comissão técnica”.

“Independente da posição que eu for atuar, sendo zagueiro ou volante, eu deixo para a comissão técnica definir. Eles sabem onde eu posso render mais, se é na defesa ou no meio. Eu sempre deixei claro que meu objetivo é ajudar o botafogo”, acrescentou.

Preocupação

A equipe de Ribeirão Preto vem de duas derrotas consecutivas, para o Floresta- EC e Paysandu. A equipe que já chegou a liderar o campeonato por três rodadas, hoje se vê fora da zona de classificação e liga o alerta para o restante do campeonato.

” Eu acredito que não é uma preocupação, mas é claro, começa a ligar um sinal de alerta. Nas três primeiras rodadas éramos líder do campeonato, depois nosso rendimento caiu. A gente tem que baixar a cabeça, saber assimilar as derrotas e trabalhar para voltar a vencer”, afirmou Tárik.

Foto: João Victor Menezes/Agência Botafogo

Leia Mais

W Sports
Espaço Publicitario