radio-wsports
Clique e ouça aqui!

XV de Piracicaba vence, mas Marília avança para grande final

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on skype

O Marília é finalista da Copa Paulista e de quebra, está de volta ao cenário nacional, afinal já garantiu uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro ou na Copa do Brasil de 2021. Depois de vencer o jogo de ida das semifinais por 3 a 1, o MAC até acabou derrotado pelo XV de Piracicaba, por 1 a 0, no Estádio Barão de Serra Negra, no duelo de volta do mata-mata, mas como ficou na frente no placar agregado, carimbou o passaporte para a decisão. Fabinho marcou o único gol do duelo.

Agora, o Marília aguarda a definição da outra semifinal entre Portuguesa e São Bernardo FC para conhecer o adversário na final da competição. As duas equipes se enfrentam às 19h, no Estádio do Canindé, em São Paulo. No jogo de ida, disputado no ABC Paulista, ficaram no empate por 1 a 1.

UNIMED

Para chegar até essa grande decisão, o Marília foi líder do Grupo 1 na primeira fase e passou por Velo Clube e Ferroviária, no mata-mata, antes de eliminar o XV de Piracicaba nestas semifinais. O primeiro jogo da grande decisão deve acontecer já neste final de semana e a volta será no dia 23, antevéspera de Natal.

A partida começou bastante movimentada e nos dez primeiros minutos, ambas as equipes tiveram a chance de abrir o placar. Aos seis, após um cruzamento da direita, Gustavo Nescau testou firme, mas parou em uma defesa em dois tempos do goleiro Victor Prada, perdendo a chance de colocar o Marília ainda mais em vantagem.

A resposta do XV veio aos oito, quando Tito arriscou da entrada da área e a bola passou perto do travessão do goleiro Igor Castro, que só ficou olhando a bola sair. Já aos 12, o time da casa até chegou a balançar as redes com Renan Dutra após um escanteio, mas como ele estava em posição irregular, o arbitro invalidou o gol.

A partir daí, o ritimo da partida caiu um pouco. Enquanto o XV de Piracicaba tentava tomar a iniciativa para diminuir a diferença no placar agregado, o Marília se manteve fechado na defesa. Até por conta disso, o primeiro tempo terminou mesmo empatado sem gols.

Na volta do intervalo, o duelo seguiu equilibrado, desta vez com as equipes trocando passes no meio-campo e buscando espaço para chegar com perigo ao gol adversário. A melhor chance do inicio da segunda etapa veio aos 15. Depois de uma bela jogada do XV de Piracicaba, Tito recebeu na entrada da área e soltou o pé, mas parou em uma boa defesa do goleiro Igor Castro.

Já aos 30 foi a vez do zagueiro Renan Dutra aparecer na área como um atacante e tentar de cabeça, mas ligado no lance, o goleiro do Marília conseguiu espalmar para fora. Depois de tanto tentar, o XV de Piracicaba conseguiu marcar o gol da esperança. Aos 34 minutos, Fabinho recebeu na área a bateu cruzado. O goleiro Igor Castro até resvalou na bola, mas não conseguiu evitar o gol.

A partir daí, o XV de Piracicaba foi com tudo para o ataque, afinal mais um gol levaria a decisão para os pênaltis. Do outro lado, o Marília foi se defendendo como dava e assim aconteceu até o apito final. Por isso, o duelo terminou com a vitória magra dos donos da casa por 1 a 0.

Leia Mais

W Sports